Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

TV INFINITY

domingo, 31 de dezembro de 2017

Feliz Ano Novo !


Confraternização dos Amigos da Vereadora Zezé


Na tarde deste Sábado a Vereadora Zezé Vilela e seu esposo Roberto Vilela receberam em sua residencia os amigos e familiares para confraternização de Fim de Ano, registramos a presença do Prefeito Clécio Azevedo e seu filho Múcio. Agradeço a amiga Zezé pelo convite a Feijoada estava ótima e o Churrasco tava primeira de Luxo.







sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

Prefeito realiza confraternização para os funcionários do ateliê de Bom Jesus


A prefeitura Municipal de Bom Jesus, em nome do prefeito Clécio Azevedo, realizou na noite desta quinta-feira (28) mais uma confraternização para os funcionários do ateliê, responsável pelas decorações da cidade.

A festa aconteceu no espaço da própria sede e contou com a presença do prefeito, secretário de obras Janilton Rodrigues, funcionários e amigos. A festa, muita animada, teve brincadeiras e forró de Clenilson Show. 

"Quero agradecer a toda equipe que se dedica durante a ornamentação de nossa cidade, na organização dos eventos e muito mais, deixo meu a todos e um feliz 2018", afirmou Clécio Azevedo.

Prefeito Clécio Azevedo divulga sua Mensagem de Fim de Ano e realiza Distribuição de Calendário 2018




Prefeitura faz confraternização com garis


A prefeitura Municipal de Bom Jesus, através do prefeito Clécio Azevedo, ofereceu nesta quinta-feira (28) uma festa de confraternização aos servidores responsáveis pela limpeza urbana, os garis. 

Todos os integrantes da equipe de limpeza de ruas participaram do momento de confraternização, que este ano teve até brindes. 

“Em relação aos garis, os vejo com uma grandiosidade o valor do trabalho que eles exercem. São verdadeiros irmãos, que contribuem para que nossa administração mantenha ambientes limpos, saudáveis, apresentáveis àqueles que moram e visitam a nossa cidade", agradeceu o prefeito.

Supermercado é invadido e lojas saqueadas na Zona Norte de Natal; RN segue sem PM nas ruas


Ainda sem policiamento nas ruas de Natal, pelo menos 20 homens armados invadiram um supermercado, renderam vigilantes, quebraram vidraças e saquearam várias lojas. O crime aconteceu na madrugada desta sexta-feira (29) no Favorito do conjunto Vale Dourado, na Zona Norte da cidade. Segundo a PM, ninguém foi preso.


Dentro do supermercado, pelo menos cinco lojas também foram arrombadas e tiveram produtos roubados. A PM recebeu relatos de que os bandidos fugiram em quatro carros.

No final da tarde desta quinta (28), dois supermercados da rede Super Show também foram alvos de criminosos - um em Cidade Verde, na Zona Sul de Natal, e outro na praia de Pirangi, na região metropolitana da capital potiguar.

Crise na segurança

Policiais e bombeiros militares estão aquartelados desde o dia 19 em protesto contra o atraso nos salários de novembro e falta de pagamento do 13º. Policiais civis, que também aderiram ao movimento, trabalham em regime de plantão desde o dia 20. As categorias também reivindicam melhores condições de trabalho.

Desde o início da paralisação das polícias, a região metropolitana da capital já registrou mais de 450 crimes de arrombamentos, roubos e furtos. Nos últimos 10 dias, em todo o estado, houve 59 homicídios, segundo o Observatório da Violência Letal Intensional (OBVIO) - instituto que contabiliza crimes contra a vida.

Reforço

Nesta quinta (28), o Ministério da Justiça confirmou o envio de mais 30 homens da Força Nacional para reforçar o patrulhamento nas ruas do RN. O governador Robinson Faria pediu ainda envio de tropas das Forças Armadas, mas o ministro da Defesa, Raul Jungmann, disse que o envio de tropas “será avaliado dia a dia à luz dos dados".

Socorro financeiro

O próprio governador anunciou nas redes sociais - no dia 21 de dezembro - que o RN receberia R$ 600 milhões do governo federal e divulgou caledário de pagamento dos salários de novembro, dezembro e 13º. Mas o Ministério da Fazenda negou o repasse após recomendação do Ministério Público de Contas. O estado recorreu da decisão administrativamente.


Na terça (26), a secretária do Tesouro Nacional, Ana Paula Vescovi, afirmou que está em estudo no Ministério da Fazenda e no Banco Mundial um plano para ajudar o Rio Grande do Norte. Segundo ela, a ajuda não envolverá recursos da União, mas, sim, um empréstimo do Banco Mundial ao estado.

Fonte: G1RN

Temer assina MP que retira da lei proibição de privatizar a Eletrobras


O presidente Michel Temer assinou hoje (28) uma medida provisória (MP) que retira a proibição de privatizar a Eletrobras e suas subsidiárias de uma lei que trata do setor elétrico.

A MP, que será publicada amanhã no Diário Oficial da União, retira da Lei 10848/2004, que trata da comercialização de energia, o artigo que excluía a Eletrobras e suas controladas – (Furnas, Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), Eletronorte, Eletrosul e a Companhia de Geração Térmica de Energia Elétrica (CGTEE) – do Programa Nacional de Desestatização.

Sancionada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a lei tirou a Eletrobras do programa de privatização criado por seu antecessor, Fernando Henrique Cardoso.

Esta é a terceira medida provisória editada por Temer para abrir caminho para a venda da Eletrobras. Em junho de 2016, o presidente editou a MP 735, aprovada pelo Congresso e convertida na Lei 13360/16, que facilita a transferência do controle de ativos e as privatizações de distribuidoras da Eletrobras.

Em agosto deste ano, o governo anunciou a intenção de privatizar a estatal, responsável por um terço da geração de energia no país. De acordo com o Ministério de Minas e Energia, o valor patrimonial da Eletrobras é de R$ 46,2 bilhões e o total de ativos da empresa soma R$ 170,5 bilhões.

Em documento encaminhado à Eletrobras e ao presidente Michel Temer no fim de novembro, o ministério afirma que uma das possíveis modelagens para o negócio é realizar a venda por meio de operação de aumento de capital, com a possibilidade de ser somada a uma oferta secundária de ações da empresa pertencentes à União, que ficaria com menos de 50% da empresa.

O envio do projeto ao Congresso chegou a ser anunciado para o dia 22 de dezembro, quando começou oficialmente o recesso parlamentar, mas ficou para o próximo ano. A privatização da Eletrobras tem gerado polêmica e o governo enfrenta resistência inclusive entre aliados no Congresso Nacional, onde duas frentes já foram criadas contra a venda da empresa e suas subsidiárias.

Sistemas isolados

A MP assinada nesta quinta-feira também trata da contratação de energia para os sistemas que não estão interligados ao Sistema Interligado Nacional.

Localizados em regiões de difícil acesso, como é o caso de algumas localidades da Região Norte, os sistemas isolados são abastecidos prioritariamente por usinas térmicas. De acordo com o Operador Nacional do Sistema (ONS), atualmente, existem cerca de 250 localidades isoladas no Brasil. “O consumo nessas localidades é baixo e representa menos de 1% da carga total do país. A demanda por energia dessas regiões é suprida, principalmente, por térmicas a óleo diesel”.

Uma das alterações da MP diz respeito ao contrato de antecipação de venda de energia em termelétricas da Região Norte, em especial a termelétrica Mauá 3, da distribuidora Amazonas Energia, para as distribuidoras, cujo contrato termina em 2043; e de contratos de outros geradores termelétricos que terminam em 2020 e 2024, com a concessão do Gasoduto Urucu-Coari-Manaus.

De acordo com o Ministério de Minas e Energia, a proposta busca corrigir uma falha de planejamento da utilização do gasoduto, que ficou parcialmente ocioso nos primeiros anos e voltará a ficar subutilizado a partir de 2020, deixando a termelétrica Mauá 3 sem gás.

Outra mudança prevista na MP é uma revisão do prazo máximo de prorrogação dos contratos existentes nos sistemas isolados, estipulado em 36 meses. “Ocorre que a lei considerou que este período seria suficiente para a nova licitação, prazo que se mostrou insuficiente devido à complexidade envolvida, que demandou regulamentação da lei, edição de portarias pelo MME, aprovação de projetos pela EPE [Empresa de Pesquisa Energética] e a realização dos leilões pela Aneel [Agência Nacional de Energia Elétrica]”, informou o ministério. As mudanças não terão impacto nas tarifas de energia, segundo o governo.

Fonte: Agencia Brasil EBC

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Réveillon de Todos em Bom Jesus-RN



Trabalhador tem até hoje para sacar abono salarial ano-base 2015


Termina nesta quinta-feira (28) o prazo para saque do abono salarial ano-base 2015. Até o fim de novembro, 1,4 milhão de brasileiros com direito ao benefício ainda não tinham sacado o dinheiro. De acordo com o Ministério do Trabalho e Emprego, não haverá prorrogação do prazo.

Quem trabalhou na iniciativa privada em 2015 pode retirar o dinheiro em qualquer agência da Caixa Econômica Federal ou em uma casa lotérica. Servidores públicos devem procurar o Banco do Brasil. Cada trabalhador recebe valor proporcional ao número de meses trabalhados formalmente naquele ano. Se a pessoa trabalhou o ano todo, recebe o valor na íntegra. Quem trabalhou por seis meses, por exemplo, recebe metade do valor. Os pagamentos variam de R$ 79 a R$ 937.

Quem tem direito

Para ter direito ao abono salarial ano-base 2015, é preciso ter trabalhado formalmente em 2015 e atender a alguns requisitos, como estar vinculado formalmente a uma empresa ou a um órgão público por pelo menos 30 dias naquele ano, ter remuneração média de até dois salários mínimos no período, estar inscrito no Programa de Integração Social (PIS) ou no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) há pelo menos cinco anos e ter os dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

Para saber se tem direito ao benefício, é possível fazer uma consulta ao site do Ministério do Trabalho com o número do PIS ou do CPF e a data de nascimento. Também é possível obter informações nas agências bancárias ou ligando para o Alô Trabalho, 158. As ligações são gratuitas de telefone fixo em todo o país.

A Caixa Econômica Federal fornece a informação aos beneficiários do PIS também pelo telefone 0800-726 02 07. O Banco do Brasil atende os beneficiários do Pasep no número 0800-729 00 01.

Fonte: Agencia Brasil EBC

Vem aí o Tradicional Réveillon da COHAB


Prefeitura de Bom Jesus antecipa pagamento de dezembro


A Prefeitura de Bom Jesus, através do prefeito Clécio Azevedo, antecipa o pagamento de dezembro para esta quinta-feira (28). 

O recurso injetado na economia local com o pagamento é motivo de boas expectativas para o comércio, na época das festas de fim de ano. 

De acordo com secretário municipal de Administração, Carpegiane Alves, a antecipação autorizada pelo prefeito, reforça o compromisso da administração com o funcionalismo público, principalmente num período de grandes dificuldades.

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

Veja a lista de feriados e pontos facultativos em 2018


Foi publicada na edição de hoje (26) do Diário Oficial da União portaria que estabelece os dias de feriados nacionais e os pontos facultativos em 2018.

Segundo o Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, as datas deverão ser observadas pelos órgãos e entidades da Administração Pública Federal direta, autárquica e fundacional do Poder Executivo, sem comprometimento das atividades públicas consideradas como serviços essenciais à população.

A portaria estabelece ainda que os dias de guarda dos credos e religiões não relacionados poderão ser compensados, desde que previamente autorizado pelo responsável pela unidade administrativa de exercício do servidor. Os feriados declarados em lei estadual ou municipal serão observados pelas repartições da Administração Pública Federal direta, autárquica e fundacional, nas respectivas localidades, acrescentou o ministério.

O ministério diz ainda que não será permitido aos órgãos e entidades integrantes do Sistema de Pessoal Civil da Administração Federal antecipar ponto facultativo em discordância com o que dispõe a portaria.

Veja o calendário:

– 1º de janeiro: Confraternização Universal (feriado nacional)

– 12 de fevereiro: Carnaval (ponto facultativo)

– 13 de fevereiro: Carnaval (ponto facultativo)

– 14 de fevereiro: quarta-feira de cinzas (ponto facultativo até as 14 horas)

– 30 de março: Paixão de Cristo (feriado nacional)

– 21 de abril: Tiradentes (feriado nacional)

– 1º de maio: Dia Mundial do Trabalho (feriado nacional)

– 31 de maio: Corpus Christi (ponto facultativo)

– 7 de setembro: Independência do Brasil (feriado nacional)

– 12 de outubro: Nossa Senhora Aparecida (feriado nacional)

– 28 de outubro: Dia do Servidor Público - art. 236 da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990 (ponto facultativo)

– 2 de novembro: Finados (feriado nacional)

– 15 de novembro: Proclamação da República (feriado nacional) 

– 25 de dezembro: Natal (feriado nacional)

Fonte: Agencia Brasil EBC

Tesouro descarta ajuda ao Rio Grande do Norte com recursos do Orçamento

Ana Paula Vescovi, secretária do Tesouro

A equipe econômica não está disposta a ajudar o Rio Grande do Norte – que enfrenta greves de policiais, bombeiros e servidores públicos com salários atrasados – com recursos do Orçamento, disse hoje (26) a secretária do Tesouro, Ana Paula Vescovi.

Uma equipe técnica do Tesouro Nacional foi enviada ao estado para analisar a situação das contas do governo local e conceder um empréstimo em troca de um programa de ajuste fiscal.

Segundo Ana Paula, o Tesouro está atuando em parceria com o Banco Mundial para elaborar um plano de modernização da gestão pública no Rio Grande do Norte. Ela não deu prazo, mas disse que a missão será concluída no início de 2018. Na semana passada, a Fazenda vetou o socorro de R$ 750 milhões do Orçamento da União ao estado.

De acordo com a secretária do Tesouro, existem diversas unidades da Federação com dificuldade para manter a prestação de serviços públicos, mas o governo federal precisa tratar todos os estados com isonomia. Ela disse que esse será um projeto-piloto que pode ser estendido a outros estados em dificuldade financeira que não cumprem os requisitos da lei que instituiu o Programa de Recuperação Fiscal por terem dívidas baixas.

“Temos respeito ao que acontece com a sociedade potiguar, mas temos balizas legais e institucionais a serem observadas. Temos um arranjo estabelecido para gerar equilíbrio na relação entre o governo federal e os estados, mas temos balizas legais e institucionais a serem observadas. Temos preocupação em gerar isonomia no tratamento entre os entes federativos”, declarou.

Segundo Ana Paula Vescovi, o Rio Grande do Norte chegou à atual situação por enfrentar problemas estruturais nas contas públicas, com despesas obrigatórias crescentes e excesso de receitas vinculadas (que só podem ser gastas em uma única finalidade). “O estado não pode ser admitido no Programa de Recuperação Fiscal [como Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Minas Gerais] porque tem baixíssimo endividamento e quitou a dívida de 1997 [ano em que começou a renegociação da dívida dos estados] com a União”, explicou.

Na avaliação da secretária, não adianta oferecer socorro financeiro ao estado sem enfrentar as causas que levaram à crise nas contas. “O que precisa ser enfrentado no Rio Grande do Norte é estrutural. Existe um crescimento das despesas obrigatórias, principalmente no campo previdenciário. A reforma [da Previdência] é essencial para recuperar o equilíbrio de vários estados. Também existe um problema de receitas vinculadas”, declarou.

Rio Grande do Sul

Em relação ao Rio Grande do Sul, cujas negociações com a União foram retomadas na semana passada, Ana Paula Vescovi disse que o principal impasse no momento consiste em harmonizar as estatísticas de gastos com servidores públicos locais às normas do Tesouro e da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Depois de o Rio Grande do Sul refazer as estatísticas, disse a secretária, o estado deverá elaborar uma proposta de pré-acordo e de plano de recuperação fiscal, que será avaliada pelo Tesouro. “Essa avaliação se dará com base na lei que criou o Programa de Recuperação Fiscal para estados com problemas de liquidez”, explicou.

Fonte: Agencia Brasil EBC

Natal do Povo "25 de Dezembro"


Na noite desta Segunda 25 de Dezembro foi realizado o NATAL DO POVO em Bom Jesus-RN, a festa teve inicio as 21:00 horas e teve a abertura com O Forró Meirão, em seguida quem subiu ao palco foi Edyr o Vaqueiro da Sanfona. 


O prefeito Clécio Azevedo foi curtir a festa no meio do Povo e anunciou que vem aí Domingo 31 de Dezembro o "Réveillon de Todos" com a Animação do Artista da Terra Dudu Almeida e na Virada do ano haverá a Queima de Fogos na Lagoa de Panelas.